Reforma trabalhista - Opinião - Art 484 - Acordo


Print da página http://www12.senado.leg.br/noticias/arquivos/2017/07/13/veja-a-integra-do-projeto-que-foi-aprovado

Vi pessoas revoltadas com esse item mas vamos falar a verdade, quem nunca foi ao RH e pediu para fazer um acordo propondo devolver a multa dos 40%?
Perdi a conta de quantas vezes ouvi esse tipo de proposta.
As pessoas só querem que venha a nós a ao vosso reino nada, né....
Sei que existe empresas que participam de esquemas assim pois se não existissem de onde as pessoas tirariam a ideia?
Na minha vivencia em RH já tive casos que a pessoa propôs um "acordo" e diante da recusa da empresa passou a "aprontar" para ser mandado embora. Sempre achei essa atitude medíocre, a pessoa não pensa que se apronta hoje a fama dela fica eternamente? Dependendo do ramo os colegas sempre se encontram em outras empresas. Comigo já aconteceu de encontrar ex colegas quando troquei de empresa, imagina se eu tivesse aprontado algo para ser mandada embora e essa pessoa soubesse, queimaria meu filme (desculpe a expressão). FGTS nunca me prendeu a lugar nenhum e por isso amei a liberação do saque pois pedi demissão de 3 empresas e receber esse FGTS retido foi muito bom.
Bom voltando ao acordo, nada mais justo que perder o direito ao seguro desemprego pois se você planejou sair da empresa você deve ter outro emprego ou ter se preparado financeiramente para isso, não será uma surpresa, concorda?
Não entendo o motivo de tanta revolta. Algumas pessoas disseram que o empregador pode forçar a fazer acordo, "benhê" se alguém tentar te forçar a fazer um acordo é só não aceitar e pronto, sem a sua assinatura não existe acordo e se o empregador não gostar o máximo que vai fazer é te demitir e isso é bom pois terá que te pagar tudo. Entendeu ou quer que eu desenhe? Para com essa história de procurar pêlo em ovo e se não quer um acordo pede demissão e pronto, afff

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Google Analytics Alternative